A Internet e o Esporte

Praticamente metade da população brasileira conta com acesso à internet, segundo dados do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de 2013, que foi divulgado nesta quinta-feira, 24 de julho de 2014.
O relatório revela que 49,8% dos brasileiros podem se conectar. No mundo todo, apenas 35,5% da população têm acesso.

Mas os dados sobre o Brasil podem estar defasados, pois o IDH leva em conta informações do programa das nações unidas para o desenvolvimento (PNUD) de 2012, as mais atuais disponíveis. De lá pra cá pode ter havido um crescimento agressivo na quantidade de internautas no Brasil.

A internet faz parte do cotidiano da maioria dos atletas, nela podemos buscar informações sobre o esporte, sobre campeonatos, vídeos, comprar e vender equipamentos, fazer contatos, entre outras ferramentas disponíveis na rede. Mas atenção, ao navegar tenha cuidado com as informações “jogadas” na rede, busque histórico, pergunte a profissionais da área, procure por informações correlativas, check fontes. A internet não tem governança centralizada em qualquer aplicação tecnológica ou políticas de acesso e uso, cada rede constituinte define suas próprias políticas, porem faz-se necessário saber a procedência das informações, assim como a qualidade das mesmas.
De fato, a internet não oferece os controles de qualidade mais básicos impostos pelos jornais e revistas, a não ser no caso das páginas erguidas por instituições de renome onde há assinatura dos artigos publicados.

Um bom exemplo de rede social é o facebook, sem dúvida a maior rede social do mundo. Sua ascensão é exponencial e muito à frente de seus concorrentes, com centenas de milhões de usuários em sua base, seu grande trunfo foi desenvolver uma plataforma fácil e abrangente para que desenvolvedores pudessem utilizar as vantagens da socialização a seu favor.
A facilidade e a democracia do acesso é a grande contribuição do facebook a internet. Mas nem todos são igualmente sábios e/ou escrupulosos e precisamos sempre estar cientes que nenhuma mensagem ou página exposta na rede, não importa quão profissional ela pareça ser, passa pela revisão de especialistas independentes em precisão.


Entre inúmeras páginas direcionadas ao esporte destacamos uma em especial:
logo-nascidos-para-voar

https://www.facebook.com/NascidosParaVoar

Pagina Comunidade destinada a adeptos e apaixonados por esportes aéreos,
administrado por Gabriel Nilo, paraquedista há 2 anos utiliza a página
para divulgar lindas fotos acrescidas de belas frases, vale a pena conferir !!!fonte: PNUD http://www.pnud.org.br/IDH/DH.aspx

 

Fonte: http://www.luchiari.com.br/blog-paraquedismo/?p=462

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.